Introdução ao SEO PDF Imprimir E-mail
Qua, 24 de Julho de 2013 07:19

Primeiramente, temos que estar cientes de que SEO não é link patrocinado. Estes, são pagos via AdWords. O SEO (Search Engine Optimization) é a otimização do site para que o buscador o encontre de acordo com os logarítimos da sua busca orgânica. A otimização vai gerar maior audiência! vai deixar o site mais "encontrável".

Psicologia SEO

O que passa na cabeça de quem busca? Dados apontam que 85% preferem o resultado orgânico, ou seja, não confiam nos links patrocinados, mas sim no buscador. Confiam tanto no buscador que 36% consideram que se uma empresa aparece em primeiro lugar no Google, considera ela a líder do segmento.

São três tipos de pesquisa, intenções do usuário no buscador: pesquisa de atalho, de informação, de transação. A primeira é aquele que você acessa o buscador apenas para achar um site. A segunda, representa 80% de todas as buscas, é aquela que você quer uma informação, sobre música, saúde, artistas etc. A terceira é aquela de maior valor agregado, que a pessoa quer realizar uma transação, seja comprar algo numa loja virtual (e-commerce), ou fazer um cadastro.

Mas, em todos os casos, o que a pessoa vai buscar mesmo, é o conteúdo!!! A pessoa diz sua intenção e o buscador retorna com conteúdo. Por isso, é muito importante focar num conteúdo de qualidade. É ele que vai determinar as conversões.

Google, o deus da busca

Podemos dizer que existe um antes do Google e um depois do Google. Pegando exemplos do Cadê e do Yahoo, vemos páginas muito poluídas. Não eram buscadores, mas diretórios de sites. As pessoas cadastravam seus sites ali. Você buscava por temas, com uma noção hierarquica. Não era buscado por conteúdo. Era uma busca somente por atalhos.

O Google, bem mais limpo, vem com a inovação de buscar conteúdo. E vale a pena lembrar que ele é apenas um robô. Muitos hoje trocam o médico por uma pesquisa no Google, tratando-o como uma pessoa: "o Google disse que é gripe". Ele não acha nada, apenas calcula.

E como o Google funciona? Existe um Crawler (também conhecido como Spider), que é um robô que navega em cada link da internet e salva numa base de dados (index). E aí entra o Google com um algorítimo que vai fazer um rank das páginas mais relevantes, que é o PageRank.

Sobre o Google, hoje, podemos até fazer uma pergunta: o que não encontramos no Google!?